Pós-Doutorado em Engenharia de Biossistemas com Bolsa da FAPESP

Tempo de leitura: 3 minutos

O Núcleo de Pesquisa em Materiais para Biossistemas (NAP BioSMat) e o Grupo de Construções e Ambiência (Constrambi) da Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA) da Universidade de São Paulo (USP) em Pirassununga oferecem uma oportunidade de Pós-Doutorado em Engenharia de Biossistemas com Bolsa da FAPESP. O prazo de inscrição encerra em 25 de abril.

A Bolsa está vinculada ao Projeto Temático “Resíduos Agroindustriais e seu uso potencial como materiais apropriados para habitação e infraestrutura (Agrowaste)”, que tem Holmer Savastano Junior com pesquisador responsável.

O NAP BioSMat e o Grupo Constrambi desenvolvem materiais sustentáveis para construções rurais e urbanas com especial interesse em materiais alternativos baseados em cimentos orgânicos e inorgânicos reforçados com fibras vegetais. O grupo trabalha no desenvolvimento de compósitos baseados em resíduos agroindustriais e realiza a caracterização de elementos construtivos com base na análise das propriedades mecânicas, físicas e microestruturais e da durabilidade dos materiais e compósitos.

A equipe do NAP BioSMat e do Grupo Constrambi é formada por alunos de graduação e pós-graduação, pesquisadores doutores (pós-doutorandos) de diversas áreas do conhecimento sob a orientação e a supervisão de professores da FZEA USP Pirassununga, em colaboração com várias instituições de pesquisa do Brasil e do exterior.

A atividade do bolsista estará focada na avaliação de cinzas de resíduos agroindustriais como potenciais adições pozolânicas, fibras vegetais utilizadas como reforço e processo de cura não convencional para materiais compósitos de fibrocimento e no desenvolvimento de uma ou algumas das seguintes atividades:

  • Zona de transição interfacial entre fibras vegetais e matrizes cimentícias.
  • Cura acelerada em atmosfera saturada de CO2 de compósitos de fibrocimento.
  • Tratamentos e nanofibrilação de fibras lignocelulósicas para aplicações de alto desempenho.
  • Caracterização física, química e mineralógica das cinzas de biomassa com o objetivo de avaliar a atividade pozolânica.
  • Estudo da reação pozolânica em vários sistemas pozolana/Ca(OH)2 e pozolana/cimento.
  • Avaliar os complexos mecanismos que ocorrem em pastas de cimento, com caracterização mecânica e microestrutural.
  • Estabelecimento de base técnico-científica sobre a viabilidade de produção de cimentos com adições de cinzas agroindustriais.

Os candidatos devem ter título de doutor com menos de cinco anos de obtenção e experiência em pesquisas na área de materiais de construção, resíduos agroindustriais, materiais pozolânicos e técnicas de caracterização de materiais. Uma forte produção científica em periódicos internacionais com reconhecido processo editorial seletivo será valorizada no processo de escolha.

Os interessados devem enviar carta de interesse, curriculum vitae completo e referências a Holmer Savastano Jr., preferencialmente por e-mail, no endereço holmersj@usp.br, identificando como assunto “Bolsa PD FAPESP”, ou por correio, no endereço NAP BioSMat e o Grupo Constrambi – FZEA/USP, Avenida Duque de Caxias Norte, 225, CEP 13635-900.

A oportunidade está publicada em www.fapesp.br/oportunidades/1507/.

O selecionado receberá bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 6.819,30 mensais e Reserva Técnica. A Reserva Técnica da bolsa de PD equivale a 15% do valor anual da bolsa e tem o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista resida em domicílio diferente e precise se mudar para a cidade onde se localiza a instituição-sede da pesquisa, poderá ter direito a um Auxílio-Instalação.

Mais informações sobre a bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas de Pós-Doutorado, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *