Chamada de artigos da Revista de História das Ideias

Tempo de leitura: 2 minutos

Quando a globalização parecia transformar-se num movimento tendente a diluir as fronteiras, eis que elas emergem de novo, reclamando e provocando um olhar sobre o que as constitui e sobre o que significam, ancorado na sua já longa história.

O próximo número da Revista de História das Ideias lança um convite à investigação dos fios com que as fronteiras se desenham na nossa consciência histórica que é também a consciência da nossa contemporaneidade. Não apenas com a espacialização que frequentemente lhes está associada, mas de um modo transversal, já que se este conceito pode ter uma aplicação mais física ou geográfica, pode também aplicar-se ao campo simbólico em que nascem, desenvolvem e circulam as ideias e os saberes. E se há fronteiras que delimitam países, há também fronteiras que circunscrevem mentalidades. Ao mesmo tempo, se há fronteiras que separam, há também fronteiras que estabelecem a comunicação entre diferentes esferas da realidade. As fronteiras apresentam-se assim como dispositivos e também como métodos de diversos campos, tão importantes nos séculos passados como na atualidade.

E depois há os muros ou as muralhas que podem ser outro nome das fronteiras. Hoje como ontem continuam a ser construídos e hoje como ontem tanto podem ser exteriores como interiores, sendo muitas vezes uns a projeção de outros. E há também os refugiados, os exilados, os excluídos, os nómadas, os ausentes e os emigrados… pelo dispositivo e pelo método da fronteira.

É para a dimensão polissémica do conceito de fronteira que esta chamada de artigos pretende convocar múltiplos olhares, da História da Antiguidade à História do Mundo Medieval, Moderno e Contemporâneo, das Artes à Filosofia, da Literatura à Geografia, da Religião à Política.

A Revista de História das Ideias convida assim à apresentação de artigos que ajudem a pensar e a repensar os múltiplos feixes que brotam do conceito de fronteira na sua pluralidade histórica e semântica.

Coordenadores: João Maria André e Rui Cunha Martins


A Revista de História das Ideias, criada no âmbito do Instituto de História e Teoria das Ideias da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, de periodicidade anual, inicia em 2016 uma nova série (2ª série), depois de 33 números publicados, na sua maioria temáticos. Todos os artigos de pesquisa publicados na Revista de História das Ideias são objeto de rigorosa arbitragem científica, que compreende a triagem inicial da direção editorial e a revisão cega de, pelo menos, dois pares.

Admite artigos para publicação em língua portuguesa, inglesa, francesa, espanhola e italiana.

Mais informações: http://www.uc.pt/fluc/ihti/rhi/chamada_artigos/.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *